Escolhas que podem gerar arrependimento na festa do casamento

Olá noivos! Vocês sabem que gosto desse mundo de festas e que há algum tempo fotografo casamentos. Pois bem, nas minhas pesquisas, com ex noivos por aí afora, fiz uma lista de escolhas que o casal pode fazer e que pode gerar arrependimento se não feito certo:

1- Não contratar cerimonialista:

 Já foi falado aqui da importância desse profissional. Você e seu noivo terão muitas preocupações, às vezes muita ansiedade poderá atrapalhar o andamento da festa, acontecimentos prejudiciais de última hora, o que fazer? Uma boa cerimonialista tirará toda essa preocupação do casal. Ela resolverá os pepinos e trará SOLUÇÕES para o grande dia.  A cerimonialista POUPARÁ muito do seu TEMPO. e lhe TRARÁ SOSSEGO. Afinal, chegar ao grande dia, com tudo arrumado e certo, e ainda curtir a festa toda não é tarefa fácil. Por isso, deixe o preparo nas mãos de quem só faz isso a vida toda.


2- Não enxugar a lista de convidados:

 Acredito que se o casal está com dinheiro sobrando, não vai achar ruim de convidar o amigo do amigo do parente, aquela pessoa do trabalho com quem nem conversa. Mas a realidade é normalmente outra: como pagam por cabeça no buffet, ou por x pessoas, se passa da quantidade estipulada pelo buffet, cada pessoa extra é caro. E há razão para ser caro: toda comida de um evento desse porte TEM  que ser bem feita. Com os melhores ingredientes, por pessoas capacitadas e que vão economizar, e não desperdiçar. Então, quando os noivos deixam de filtrar a lista o máximo que podem, acabam pagando extra mesmo. Se a medida é economizar, a lista deve ser repensada trinta vezes se for o caso. È por isso que existe o chamado mini wedding. É para esses casos em que a pessoa quer um casamento com menos gasto. Aí sim, a lista é pequena de verdade. Do contrário, a conta com o buffet vai crescer demais e sairá do planejamento financeiro.


3- Escolher pagem e daminha em idade muito baixa:

Gente, já presenciei o pagem não querer entrar no corredor e a noiva ficar visivelmente constrangida. Bebês de 3 anos ou menos nem pensar! Podemos ver vídeos na internet, onde diversas crianças fazem tudo errado na hora de ir entregar as alianças. Vamos pensar! É muito mais elegante e prático pedir para uma criança de pelo menos 5 anos ir entregar as alianças ou até levar as plaquinhas, do que esperar o mesmo comportamento com um bebê. Tá certo!?


4- Não aproveitar o jantar e os doces:

A coisa mais comum nos casamentos por onde clico é os noivos não terem tempo para saborear o buffet e os doces contratados. O buffet é um dos itens mais caros do casamento, os noivos merecem um momento só para comerem em paz. Com os doces é a mesma coisa, os convidados acabam pegando tudo e se não tem alguém para separar para o casal, eles acabam ficando sem. O correto é o que? Se há uma cerimonialista, ela tomará conta desse momento, avisando por exemplo aos fotógrafos o tempo que os noivos ficarão comendo sossegados, e assim terão  tranquilidade e podem curtir a festa depois disso. E ela também separará uma boa quantidade só para os noivos. Ao final, os doces que restarem poderão ser levados à casa dos pais ou do casal. Então lembrem-se noivos: vocês pagaram caro pela comida. Aproveitem ao máximo!


5- Escolher fotógrafo só por causa do preço:

Isso é um assunto que causa arrepios. Mas não deveria ser assim: Oras, um assunto tão sério como a festa do casamento, deve ser levado a sério também na hora de contratar o melhor profissional que vai retratar esse evento. Se o casal está com limite financeiro, porém quer contratar alguém que tem alta capacidade para fotografar o casamento, é só conversar sobre a melhor forma de pagamento! Muitos fotógrafos dividem em bastante prestações! Vejamos este exemplo real MEU: 

Há alguns meses essa minha conhecida, veio me procurar para orçar minhas fotos para seu casamento. Fizemos orçamento, ela achou tudo lindo e viável, porém depois de uns 5 meses, sem dar resposta, eu fui atrás para saber o que acontecera e a explicação foi a seguinte: que uma amiga dela, fotógrafa, queria dar de presente as fotos e o álbum para ela. Só que como ela seria convidada, a moça não deixou-a fotografar. Então a fotógrafa, disse que um amigo faria isso. E, além de ganhar de graça, ela ainda tinha essa amiga como mais íntima para o casal, do que eu, que conheço a família há 20 anos. Enfim... Ela quis deixar a confiança na escolha da amiga, sem conhecer a foto do amigo. Vejam na foto da conversa, que ela diz estar INSEGURA. Confiar na amiga é uma coisa, confiar no amigo dela, sem ver o trabalho dele, dá nessa insegurança que ela me falou, pois em mim ela confia, porque acompanha o meu trabalho. O que rolou foi a vantagem do grátis da amiga e a intimidade maior com ela. Porém, a qualidade da foto, ela devia ir conhecer. É isso que eu friso!!!!! Vão conhecer o fotógrafo, a qualidade das fotos!!! Perder orçamentos, todos os profissionais perdem por uma causa ou outra, mas para não se arrependerem da troca, VÃO CONHECER O OUTRO PROFISSIONAL, mesmo tendo GANHO o presente, tá certo????? Ou vocês querem ter insegurança das fotos bem no dia do seu casamento???



6- Não ter investido mais na lua de mel:

Os noivos devem ter prioridades para o casamento? Sim, algumas, e entre elas, ao meu ver, é a lua de mel. Porque o casal se sacrifica tanto para ter a festa dos sonhos, trabalha anos a fio, que merece esse descanso. Então pense bem no que pode ser diminuído para a festa e acrescentado na lua de mel. Um dia a mais, um passeio a mais, um hotel melhor, um local mais top. O casal merece, isso não há dúvidas! E a festa do casamento passa, mas a lua de mel, embora passe, serão dias de curtição e descanso, que fazem toda diferença depois de uma festa bem sucedida. Pensem nisso e boa viagem!


7- Escolher local pequeno para a recepção:

Gente, não tem coisa pior do que contratar um local pequeno para a recepção. Da mesma forma, um local enorme para poucos convidados causa um impacto estranho. Uma festa bem sucedida leva em conta o tamanho do espaço para dar comodidade aos convidados. Isso é fundamental. Afinal você não quer que seus convidados falem mal da festa (e sempre falarão) ou que vão embora logo não é? Por isso, pense no local com carinho.  Um local aconchegante e ideal existe! Basta procurar. Veja aqui um vídeo para te ajudar: calcule quantas pessoas cabem no salão


8-  Não escolher as músicas da play list com o DJ:

Não escolher as músicas e deixar por conta da experiência e "gosto" do DJ pode ser e é uma furada. Esse momento da festa, onde as músicas tocam, tem de ser 100% o gosto do casal! Se eles não selecionam as músicas, o DJ não saberá qual o caminho certo a seguir. É importantíssimo personalizar as músicas, para que a festa tenha a cara do casal. E assim evitar desconforto para o casal e todos. E isso não é só. Conheçam o estilo, e se o equipamento do DJ solta um som legal. Nada de puts puts que ensurdece ou que vibra no grave. A qualidade do som que sai do equipamento é totalmente importante. Assim o casal e os convidados terão conforto e se alegrarão na festa.




Postagens mais visitadas deste blog

Roteiro para casamento evangélico, na igreja

Vestidos de Noiva para Noivas Evangélicas

Dicas de roupas para casamento no inverno